Foto
A “gran dama” das artes

Exposição Yolanda Penteado, a dama das artes de São Paulo

Cercados por uma transição política, econômica e social que se desloca do nacionalismo de Vargas, passa pelo desenvolvimentismo de JK e compartilha dos primeiros momentos da Ditadura Militar, Yolanda Penteado, Francisco Assis Chateaubriand (Chatô) e Francisco Matarazzo Sobrinho (Ciccillo) tornam-se grandes mecenas, que se distinguem pela aliança entre arte moderna e capital internacional.

Juntos, eles são responsáveis por instituições artístico-culturais, como o MAM SP, o MASP, a Bienal de São Paulo, os Museus Regionais, além de contribuírem para a criação do MAC USP. Casada com Ciccillo, Yolanda toma parte de outros empreendimentos, como o TBC e a Companhia Cinematográfica Vera Cruz. Todas essas instituições colocam a cidade de São Paulo definitivamente no cenário internacional das artes.

Menos responsável pelas “ações executivas”, Yolanda é peça significativa na estratégia de atuação do casal: como “gran dama”, ela imprime às ações o prestígio social que os negócios empresariais necessitam naquele momento. As atuações no MASP e nos museus regionais – parcerias com Chateaubriand – levam Yolanda dos bastidores ao papel de gestora das artes.

“Caipirinha de Leme”, “duquesa”, “principessa”,“fazendeira”, “embaixadora”, “madrinha”, “presidente” e “diretora” são alguns dos adjetivos que lhe são atribuídos durante sua vida. Seu percurso nos mostra a visão de contexto e articulação que a mecenas tem sobre as diversas esferas pelas quais passa. Sua trajetória, sobretudo, possibilita novas leituras e dá novos significados para a formação do circuito artístico nacional e internacional.



Evento: A “gran dama” das artes
Abertura: sábado, 9 de abril de 2016 das 11h às 14h 
Período expositivo: de 9 de abril de 2016 a 10 de dezembro de 2018

Local: Solar da Marquesa de Santos
Sede do Museu da Cidade de São Paulo

Endereço: Rua Roberto Simonsen, 136
01017-020 - Sé – São Paulo SP
Telefone 11 3241 1081
Horário de Funcionamento: de terça a domingo, das 9 às 17 horas
Entrada gratuita