Sítio lítico do Morumbi

 

O Sítio Lítico do Morumbi foi provavelmente um local visitado por vários grupos indígenas, durante milhares de anos, para obtenção de um tipo especial de pedra, chamada sílex, usada na fabricação de objetos cortantes; facas, raspadores e pontas de flecha.

O local foi considerado pelos arqueólogos como sendo uma "oficina", ou seja, um local onde se desenvolviam atividades de extração de pedra e início do lascamento mas, talvez, não constituísse local de moradia e finalização da fabricação de instrumentos.

Será mostrado em exposições promovidas pelo Centro o acervo de peças líticas encontradas no Sítio do Morumbi que correspondem aos vários estágios dos instrumentos da idade da pedra.

A criação do Centro de Arqueologia de São Paulo, instituição de vocação museológica focada no conhecimento científico sobre a arqueologia urbana da cidade, registra de forma muito significativa a convergência de ações institucionais em prol do reconhecimento e comunicação da cultura arqueológica da metrópole.